Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



No outro dia estava eu nas minhas arrumações do computador, eliminar pastas, arrastar ficheiros e limpar o “lixo” quando encontrei esta foto. É da fase de preparação de uns muffins salgados que fizemos para um dos nossos pic nics de verão.

A receita é otima e muito simples. E tem a vantagem que cada um pode escolher o recheio que quiser e dá para fazer aproveitamentos de sobras. Aqui fica: 8 ovos e azeite para pincelar; para o recheio podem escolher o que quiserem. Desta vez eu escolhi ervilhas, salmão, cenoura ralada, queijo emmen20160816_115645.jpgtal, tomate, atum, salmão, espinafres (todos os ingredientes exceto o tomate, o atum e o queijo, foram previamente cozinhados). Preparação: bater os ovos com sal e pimenta a gosto. Encher  cada um dos buracos da forma com os ingredientes escolhidos e regar com os ovos batidos. Levar ao forno durante 15 / 20 minutos ou até ficarem dourados.

Este pic nic, se não me falha a memória, foi na praia. Deve ser por isso que não há fotografias dos muffins já prontos: era muita água, muita areia e, sobretudo, muita fome! Mas posso garantir que estavam deliciosos e bastante apresentáveis...

O outono continua a ser uma excelente altura para pic nics, admito que não na praia! Mas qualquer parque ou cantinho com um pouco de relva serve perfeitamente para estender a toalha aos quadrados...

Autoria e outros dados (tags, etc)

pintar pedras.jpg

 Pela primeira vez em muitos dias não chovia. Já tínhamos saudades de ir passear, apanhar ar e refrescar as ideias, como se diz cá por casa. E como adoramos praia de verão ou de inverno, fomos até lá passear. Aquilo que era suposto ser só um passeio pelo paredão rapidamente se transformou numa “aventura” pelas rochas. Subimos rocha, descemos rocha até o mar não nos deixar avançar mais.

 Os filhos adoram apanhar pedras para as suas "coleções". Põe-nas nos baldes, fazem construções, brincam e tudo mais. No fim do passeio normalmente até as deixam ficar na praia para uma próxima vez. Mas desta vez foi diferente e quiseram levar algumas para casa. Depois de muitos protestos da nossa parte e, apesar dos apelos, “porque levas mais lixo para casa? Já lá tens tanto!” lá lhes fizemos a vontade pois a resposta na ponta da língua convenceu-nos: “não é lixo... são pedras e são para pintar, claro!” Por (de)feito profissional eu adoro transformar lixo em qualquer coisa muito mais útil, por isso tive que me calar e concordar. O pai concordou, mas sob protesto!

 Chegados a casa fomos buscar os pincéis e as aguarelas pois por esta altura já eu também estava entusiasmada. E foi uma ótima tarde de domingo porque tinha começado a chover outra vez e nós tínhamos um novo projeto caseiro para fazer. O pai ficou com um lindo pisa-papeis para o seu escritório; o nosso quarto ficou muito mais bonito com uma pedra pintada em cima da cómoda; e, assim que parou de chover, fomos dar uma nova cor ao canteiro com as pedras pintadas.

Autoria e outros dados (tags, etc)




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D


Favoritos